Introdução à Imigração nos Estados Unidos

O sistema Americano de imigração está basicamente dividido em três categorias para aqueles buscando residência permanente:

  1. Laços próximos familiares: assim como conjugues, pais, irmãos e irmãs, ou filhos adultos.
  2. Educação: Aqueles com ao menos um diploma universitário e preferentemente um mestrado, ou aqueles com mínimo 12 anos de experiência laboral.
  3. Dinheiro: Aqueles com mínimo $500,000 ou $1 milhão para investir em um centro regional qualificado nos Estados Unidos.

Realisticamente, aqueles com laços familiares irão solicitar residência através deste processo se ditos laços são de um grau próximo, o período de espera não é longo e o peticionário, ou patrocinador, têm a habilidade financeira de endossar dita solicitação.

Aqueles com uma educação superior, chamados de trabalhadores profissionais ou capazes, deverão identificar um patrocinador americano disposto a contratá-los para um trabalho específico, com um salário específico e uma descrição específica do trabalho. Muitas vezes, isso coloca um desafio sério para qualquer estrangeiro, pois empregadores americanos estão geralmente à procura de empregados dentro dos Estados Unidos. Além disso, o empregador deve demonstrar que é solvente financeiramente durante todo o período do processo, a fins de garantir que o empregado continuará a ser remunerado ao fim do processo.

Consequentemente, nos resta a alternativa do dinheiro. O programa EB-5 foi criado como uma criação de empregos e um programa de investimento estrangeiro especificamente para incentivar indivíduos de altos patrimônios a imigrar aos Estados Unidos, estimular a economia americana e fazer uma contribuição valiosa à sociedade.

Disclaimer

The use of this web site, or any of the contact forms found on this web site, for communication with the firm or any individual member of the firm does not establish an attorney-client relationship. Confidential or time-sensitive information should not be sent through this web site.

×